BLOG

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2015

Ingestão de Proteína em (Mulheres) Atletas de Força!


O treino de Força é sem dúvida benéfico para vários marcadores de saúde de um atleta e isso mesmo foi relatado aqui num estudo de 2004


Contudo há pouca informação descrevendo as necessidades proteicas específicas para uma mulher atleta de força, e é notório que uma mulher atleta requer níveis mais elevados de proteína na dieta do que uma mulher sedentária, para conseguir atingir um saldo positivo de nitrogénio para promover a síntese proteica.

Doses entre 1,4g a 1,8g/Kg corporal são as nossas recomendações para atletas de força (em mulheres saudáveis).

Desde à muito tempo que dietas ricas em proteínas têm sido criticadas por supostamente colocar as mulheres em risco de Osteoporose, porém até esse mito já foi desvendado e pode ser visto aqui:
The impact of dietary protein on calcium absorption and kinetic measures of bone turnover in women. O estudo concluiu que a dieta alta em proteína (foi de 1,0g/kg a 2,1g/kg) causou uma redução significativa na fracção de cálcio urinário de origem óssea e não podia ser mais esclarecedor, já que não houve efeitos prejudiciais nos ossos induzidos pelo consumo da proteína.

Referências.

As melhores fontes de proteína vão desde a carne, peixe, ovos e no caso das atletas que têm necessidade de dar uma resposta ao estimulo induzido pelo treino sem dúvida que a Proteína Whey é de facto um fonte a ter em conta!



GOOGLE +
←  Anterior Proxima  → Página inicial